9.8.10

Trabalhar

No decorrer destes meses, sofri. Sofri muito. Terrivelmente. Creio que por breves instantes, durante diversos dias, cheguei mesmo a morrer de tédio. O meu coração parou de bater e nenhum sangue chegava ao cérebro. Felizmente, havia o farmville.

Estava aqui entretido a acertar o dia da semana no relógio...

Estou aqui a colorir um post-it com lápis...

Apetece-me bater com a cabeça no teclado.

Estas foram algumas das frases que registei e que saíram da boca de recém-trabalhadores. Se isto não é suficiente para convencer os soon-to-be-trabalhadores que DEVEM EVITAR TRABALHAR A TODO O CUSTO e procurar asap marido/mulher ricos, espero que pisem a pile of poop no caminho para casa.

É tudo.


2 comentários:

Teresa disse...

true story

Rita disse...

Onde se encontram esses maridos?